Constelação Familiar Sistêmica

Home > Sobre nós > Constelação Familiar Sistêmica

O que é uma constelação familiar ou sistêmica

 

As constelações Familiares e Sistêmicas são uma ferramenta do Pensamento Sistêmico. Este leva em consideração que um sintoma físico ou emocional é gerado por um sistema familiar e não apenas por um indivíduo. Dessa forma, um sintoma é resultado das dinâmicas vividas pela soma de um grupo de pessoas. O indivíduo que carrega o sintoma está representando, naquele sistema, um “emaranhamento”, ou seja, algo não resolvido do passado deste grupo familiar.

Uma constelação familiar ou sistêmica REVELA as dinâmicas estruturais transgeracionais por trás de um comportamento ou de um sintoma físico/doença.

Essas dinâmicas foram construídas pelas experiências traumáticas vividas pelos nossos pais e por gerações anteriores, que geraram um resíduo emocional negativo por não terem chegado a uma solução equilibrada e por não terem respeitado os 3 princípios básicos: Pertencimento, Equilíbrio de Dar e Receber e Ordem. Estas estão impressas no DNA do grupo familiar e são herdadas através da nossa gestação.

Portanto, em muitas situações, a origem de um sintoma comportamental ou físico pode estar no sistema familiar, assim sendo, ele não teria um conteúdo biográfico e sim transgeracional.

Para que serve uma constelação

Através da revelação que a constelação familiar nos traz é possível IDENTIFICAR a origem do emaranhamento e, assim, reconhecer a dinâmica estrutural transgeracional a que se está vinculado(a). 

Essa matriz transgeracional, que seria o resultado da solução dada para uma situação vivida pelos antepassados, se transforma em um arquétipo familiar, e este tem um jeito de Sentir, Pensar e Agir. Esta forma que vai sendo repetida pelas gerações nos une, nos dá uma identidade como bando e, assim, sendo igual, fazemos parte, pertencemos a esse grupo aumentando nossas chances de sobreviver.

Ela atua como uma força, uma influência sobre nossas ações no presente, fazendo com que a gente repita a mesma matriz de forma inconsciente, isto é, vibrando no sentir, pensar e agir herdado e atraindo situações e pessoas para reviver aquele destino, mesmo que você não concorde com ele, gerando um comportamento de causa e efeito e, como resultado, um destino traçado pelo grupo familiar na sua vida. Chamamos este mecanismo de Lealdade Sistêmica.

O sentido fenomenológico disso acontecer seria o de que as próximas gerações repetiriam essa matriz com o objetivo de possibilitar uma RECONCILIAÇÃO entre ideias e pessoas, INTEGRANDO estes eventos do passado por meio de dar um lugar ao que pertence e que estava separado ou excluído.

Resultados de uma constelação

O reconhecimento da origem e a integração de fatos do passado que geraram um arquétipo no sistema familiar promove uma autorização emocional para poder fazer diferente deste sistema, isto é, mudar seus impulsos e comportamentos no presente transformando seu destino e, mesmo assim, continuar fazendo parte, continuar pertencendo.

Portanto, através de uma constelação familiar ou sistêmica, você se torna capaz de poder inovar no seu comportamento, de poder “estar” na vida de uma forma nova, de reagir a situações antigas de forma diferente com mais racionalidade, amadurecimento, incluindo a generosidade com o outro, mas, principalmente, a generosidade com você mesmo.

Constelação Familiar e Sistêmica no Instituto Conexão Sistêmica

Oswaldo Santucci e eu, Glaucia Paiva, já recebemos muitos profissionais Internacionais da área com muitos anos de experiência e conhecimento e, por isso, aprendemos vários caminhos, estruturas e abordagens. Isto nos deu uma bagagem de conhecimento e experiências ímpar, além da nossa prática diária com as constelações.

Desenvolvemos nossa forma de constelar com ferramentas e recursos para facilitar uma constelação, mas sempre preservando e respeitando os princípios básicos e mantendo a essência da constelação familiar original, em que o campo sistêmico nos diz o que fazer e como prosseguir até chegar a um ponto em que o próprio campo consegue achar uma solução de autorregulação, liberando o padrão de comportamento que está congelado e cristalizado no sistema familiar, permitindo que essa repetição seja transformada, trazendo algo melhor e inovador tanto para o cliente quanto, quando possível, para o próprio sistema familiar.

As constelações podem ser feitas de forma individual, isto é, entre o cliente e o terapeuta, ou em grupo.

Abraços,

Glaucia Paiva | Oswaldo Santucci

Instituto Conexão Sistêmica

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram

© 2019 por Conexão Sistêmica

contato@conexaosistemica.com.br

R. Clodomiro Amazonas, 1099 - Sala 56 - CEP: 04537-012  | SP | (11) 5055-8258 | (11) 97088-4087 (Whatsapp)